Através de participação do SINIBREF creches de Timóteo/MG começam a receber os atrasados

Através de participação do SINIBREF creches de Timóteo/MG começam a receber os atrasados

Em 12/01 o SINIBREF participou de reunião em Timóteo/MG, com o Secretário de Educação e rede conveniada do Município, e uma das demandas era o atraso de  parcelas do repasse da subvenção do poder público municipal, o que  comprometeu a situação financeira das Instituições. Como resultado o SINIBREF conseguiu com que o Município firmasse o compromisso de que o pagamento em atraso fosse feito ainda em janeiro.

Conforme matéria publicada com exclusividade pelo Jornal Bairros Net, o possível fechamento das creches para o início do ano letivo, devido ao atraso de dois repasses de verba por parte da Prefeitura, levou os dirigentes das entidades a uma outra reunião no dia 27/01 com o secretário municipal de Educação professor Diogo Siqueira. O vereador Wladimir Careca; o diretor do Sindicato das Entidades Filantrópicas de Minas Gerais – Paulo Henrique,  o secretário de Educação Diogo Siqueira e o secretário de Saúde César Augusto, também participaram da reunião.

Na reunião, o prefeito Geraldo Hilário cumpriu a promessa da liberação do repasse de janeiro no dia 27. No dia  20/01, durante reunião com servidores e vereadores, o chefe do Executivo havia anunciado a liberação de um dos três pagamentos.

Mesmo com o repasse anunciado, ainda continuam pendentes o 13º e o pagamento de dezembro. Depois de muita discussão, acertou-se que os dois pagamentos em atraso serão parcelamentos em quatro vezes – marco, abril, maio e junho, com o primeiro recebimento no mês de março, junto com o pagamento do mês.

A assessoria do ex-prefeito Keisson Drumond enviou nota dizendo que deixou o governo com os pagamentos das creches em dia. “O pagamento do mês de dezembro teria que ser efetivado em janeiro de 2017. É o procedimento em  função das prestações de contas. Esses repasses são disponibilizados com recurso do FUNDEB que já se encontra disponível na conta da Prefeitura. Apenas a Creche Caminho da Esperança é paga com recurso próprio”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *